segunda-feira, 30 de março de 2015

Um dia especial




Eu nunca quis te querer, mas te quis com muita verdade e sentimento. Era você o motivo do meu sorriso frouxo enquanto andava só nas avenidas, do suspiro à mesa posta enquanto a comida esfriava, do olhar distante e sonhador em meio a multidão. Com você meu sorriso era mais alegre, meu dia mais colorido, a comida tinha mais sabor, meu ser era mais vibrante. Um  simples filho de camponês. Encantavas-me com teu ser contraditório, profundo e completo. Um humorista que gostava de falar a sério, uma mente dinâmica e instruída pela leitura, sensível e romântico... rs um sorriso aflorou agora, enquanto penso. Sim, você era mesmo tudo de bom. Fazia sentir-me viva...
 Hoje é seu dia.
 Amanheci o dia pensando em você, mentalizando coisas boas, te desejando o melhor.
 Sempre vou te amar. #FelizAnivesário (Escrito em 13/03/2015)

quinta-feira, 8 de maio de 2014

Fraqueza



Não falo de uma fraqueza qualquer, e sim daquele momento específico de debilidade que nos sentimos sem saída, encurralados, sem esperança, frustrados e impotentes quanto às circunstâncias da vida...

Solidão... nos sentimos só em meio da multidão

Olhando pra dentro... 
Observar o caos interior é muito difícil.
Para reconhecer a própria fragilidade é preciso ser forte.

Buscando forças para expulsar aquela tristeza que quer me sucumbir.
Quero dizer: Não, àquela angústia que me sufoca.
Quero repreender os pensamentos negativos que afloram sem permissão.
Recorro a DEUS.
Escuto-o dizer: "A minha GRAÇA te basta, porque o meu poder se aperfeiçoa na fraqueza"
Graça é favor imerecido...

"Porque quando estou fraco, então sou FORTE." ( Apóstolo Paulo)


domingo, 13 de abril de 2014

Conflitos



Um abismo nos separa
Meu coração teima
Minha mente traiçoeira viaja quilômetros para te encontrar...
Lembro-me do tom da tua voz.
Meu coração enternece
Vejo sua oscilação
Homem maduro e decidido
Menino carente e inseguro
Sinto-me frágil diante dos conflitos que carrego no peito
É tão incoerente não querer-te, te querendo tão profundamente.
Um calar profundo... gostaria que minha mente também calasse...
Sinto-me ilhada
Emoção...
Razão.

Lonne Goerk


segunda-feira, 14 de outubro de 2013

RESSURGI

Sim, te amei acima do permitido, despojei-me de mim mesma.
 Por um longo tempo me perdi pra ter você.
Fui o recipiente, e tu água limpa, invadiste-me.
Preencheste cada recanto escondido meu.
Eras a claridade do meu escuro, 
minha razão, meu tudo.
Como pude amar-te assim? 
Te perdi. Morri em sequências infinitas.
Revivi, ressurgi, tal qual a fênix.

Lonne Goerk

domingo, 22 de setembro de 2013

EM SILÊNCIO

 
 Em silêncio te chamo
Em silêncio te amo
Te busco, te preciso
Em silêncio sufoco minha dor
Fujo de mim mesma
Canto, grito...
Em silêncio estou
Por amor
Por dor
Por precaução
Mas principalmente
Em silêncio estou
Por amor à você
Contra mim
Em favor de mim, talvez!
Mas no meu silêncio existe
Esta voz
Uma voz que te chama
Que fala
E me faz lembrar de você
Já não adianta tanto silêncio
Porque até no silêncio, lá está você!
Simone Fernandes

sábado, 21 de setembro de 2013

AINDA ME LEMBRO

Ainda me lembro do seu lindo rosto

Da sua voz macia em meus ouvidos

De seus beijos carinhosos na nuca

Sua risada contagiante



Ainda me lembro das nossas longas conversas

Das brigas e desculpas

Dos abraços longos

Das ideias contrárias



Ainda me lembro de você

Velho e doce amor

Que em meu coração ainda mora

São tantos os momentos guardados

Vividos em minha memória



Ainda me lembro do primeiro beijo

Do primeiro presente

Do primeiro passeio

Da primeira desavença


Ainda me lembro de ti amor

Do seu olhar sereno 

Seus pensamentos e ideias loucas

Seu temperamento difícil



Ainda me lembro do amor que sentia

Da saudade não matada

Do beijo não dado



Ainda me lembro de muitas coisas...
Simone Fernandes



quinta-feira, 19 de setembro de 2013

Esperando a calmaria



Não corri ao teu encontro, colidimos, como ímãs que se atraem.
Te reconheci como parte de mim. Mistura homogênea.
Me perdi...
No caminho, apenas uma enorme pedra, amiga e hospitaleira.
Tua presença transborda-me de prazer.

 Lonne Goerk